Versão BETA

Acesso livre
Acesso livre
Por Google Translator Translator

Enfermagem

Comissão de prevenção e assistência à demência do The Lancet

1 Ago, 2020 | 19:06h

De acordo com o relatório, a modificação de 12 fatores de risco ao longo da vida teria potencial de prevenir ou retardar 40% dos casos de demência. Os fatores de risco apontados pelo relatório são:

  1. Consumo de álcool excessivo
  2. Traumatismo craniano
  3. Poluição do ar
  4. Educação de má qualidade
  5. Hipertensão
  6. Deficiência auditiva
  7. Tabagismo
  8. Obesidade
  9. Depressão
  10. Sedentarismo
  11. Diabetes
  12. Pouco contato social
Fonte:

Dementia prevention, intervention, and care: 2020 report of the Lancet Commission – The Lancet

Comentários:

Forty percent of dementia cases could be prevented or delayed by targeting 12 risk factors throughout life – The Lancet

Forty percent of dementia cases could be prevented or delayed by targeting 12 risk factors throughout life, experts say – Keck School of Medicine of USC

Lifestyle changes could delay or prevent 40% of dementia cases – study – The Guardian

 

Comentário no Twitter

 


Revisão sistemática: Efeitos do atraso na administração de antibióticos em pacientes com infecções bacterianas severas

1 Ago, 2020 | 12:18h

Nesta revisão sistemática, que incluiu principalmente estudos retrospectivos, a mortalidade geral foi significativamente menor nos pacientes que receberam antibioticoterapia adequada prontamente, quando comparado aos pacientes que sofreram atraso para receber a medicação.

Fonte:

A Systematic Review of the Effect of Delayed Appropriate Antibiotic Treatment on the Outcomes of Patients With Severe Bacterial Infections – CHEST (link para o abstract – $ para o texto integral)

Comentário:

Does Delayed Antibiotic for Severe Infection Impact Mortality? – Journal Feed

 


Diretriz da American Cancer Society: Rastreamento de câncer de colo de útero

31 Jul, 2020 | 16:53h

Pontos Principais:
  • A diretriz passa de 21 para 25 anos a recomendação para início do rastreamento, que deve ser feito até os 65 anos.
  • O teste de preferência seria a realização de teste de HPV validado a cada 5 anos. Como alternativa pode ser realizado o co-teste (citologia associado ao teste HPV) a cada 5 anos ou citologia isolada a cada 3 anos.
Fonte:

Cervical cancer screening for individuals at average risk: 2020 guideline update from the American Cancer Society – CA: A Cancer Journal for Clinicians

Comentários: 

Updated cervical cancer screening guideline calls for less and more simplified screening – News Medical

Cervical Cancer Screening Should Begin Later, Cancer Group Says – NEJM Journal Watch

American Cancer Society now recommends cervical cancer screening start at 25, not 21 – CNN

 


Revisão: Uso de máscaras pela população

12 Jul, 2020 | 18:39h

Esta extensa revisão sobre o assunto concluiu que máscaras utilizadas pela população são eficazes na diminuição da transmissão do Coronavirus quando fabricadas e usadas corretamente.

Fonte:

Face masks and coverings for the general public: Behavioural knowledge, effectiveness of cloth coverings and public messaging – The Royal Society / The British Academy

Comentário:

Oxford COVID-19 study: face masks and coverings work – act now – University of Oxford

 


Análise comparativa de diferentes máscaras quanto a eficiência na remoção de partículas

12 Jul, 2020 | 12:48h

Neste estudo as máscaras cirúrgicas comuns tiveram eficiência na remoção de partículas < 300nm de 53% a 75%, ao passo que as diferentes máscaras de pano tiveram eficiência na remoção de partículas de 28% a 91%.

O estudo traz um dado interessante ao testar uma camada adicional de Nylon com as diferentes máscaras, mostrando melhora na eficácia.

Fonte:

Quantitative Method for Comparative Assessment of Particle Removal Efficiency of Fabric Masks as Alternatives to Standard Surgical Masks for PPE – Matter

 

Commentário Relacionado no Twitter

 


Estudo sugere que as infecções no domicílio raramente se iniciam com crianças

12 Jul, 2020 | 12:29h

Em um estudo com 40 crianças infectadas, adultos da mesma família tiveram infecção suspeita ou confirmada por Covid-19 previamente à criança em 79% dos casos. Em somente 8% dos casos as crianças tiveram a infecção previamente aos adultos, sugerindo que as crianças não sejam um vetor maior de transmissão da infecção.

Fonte:

COVID-19 in Children and the Dynamics of Infection in Families – Pediatrics

Comunicado de Imprensa:

Study: Household COVID-19 infection rarely starts with children – American Academy o Pediatrics

Comentários:

COVID-19 Transmission and Children: The Child Is Not to Blame – Pediatrics

Children rarely transmit COVID-19, doctors write in new commentary – University of Vermont

Children Seem Not to Be Driving SARS-COV-2 Transmission – Physician’s Briefing

 


Estudo mostra aumento na incidência de óbitos fetais durante a pandemia de Covid-19

12 Jul, 2020 | 10:51h

Neste estudo realizado em um grande centro hospitalar de Londres, a incidência de óbitos fetais > 24 semanas de gestação aumentou durante a pandemia, apesar de nenhuma das gestantes ter tido Coronavirus confirmado. Os autores especulam que os motivos possam ser os efeitos diretos do SARS-CoV-2 em mulheres assintomáticas ou devido a efeitos indiretos como relutância em procurar atendimento quando necessário.

Fonte:

Change in the Incidence of Stillbirth and Preterm Delivery During the COVID-19 Pandemic – JAMA

 

Commentário relacionado no Twitter (Fio/Linha 1/2 – clicar para mais informações)

 


OMS: Não é possível descartar que o Covid-19 seja transmitido pelo ar via aerossóis, particularmente em lugares fechados e com pouca ventilação

11 Jul, 2020 | 20:01h

Após receber inúmeras críticas por não admitir o risco de transmissão por aerossóis (minúsculas partículas que propagam pelo ar) e 3 dias após uma carta aberta de 240 cientistas criticando a conduta da OMS de minimizar a transmissão pelo ar do Coronavírus, a organização se aproximou do ponto de vista de seus críticos.

Fonte:

Transmission of SARS-CoV-2: implications for infection prevention precautions – World Health Organization

Comentário:

WHO Concedes Airborne Transmission of SARS-CoV-2; Critics Say Advice On Masks Still Falls Short – Health Policy Watch

Veja Também:

It is Time to Address Airborne Transmission of COVID-19 – Clinical Infectious Diseases

 


Novas evidências da possibilidade de transmissão do coronavírus pelo ar

11 Jul, 2020 | 16:28h

As evidências científicas apontam cada vez mais para a possibilidade de transmissão do Coronavirus pelo ar através de aerossóis, minúsculas partículas que podem se manter mais tempo no ar e ser geradas inclusive pela respiração. Até recentemente, acreditava-se que a principal via seria somente por gotículas, partículas maiores e mais pesadas que tem maior dificuldade em se disseminar em distâncias maiores.

Fontes:

Mounting evidence suggests coronavirus is airborne — but health advice has not caught up – Nature

It is Time to Address Airborne Transmission of COVID-19 – Clinical Infectious Diseases

Veja Também:

Coronavírus pode ser transmitido pelo ar: saiba como se proteger – VEJA

 


Países com adoção precoce de máscaras pela população tiveram epidemias mais leves pelo coronavírus

25 Jun, 2020 | 01:32h

Mais um estudo corroborando a necessidade do uso de máscaras pela população.

Fonte:

COVID-19 and Public Interest in Face Mask Use – American Journal of Respiratory and Critical Care Medicine

Comentário:

Countries with Early Adoption of Face Masks Showed Modest COVID-19 Infection Rates – American Thoracic Society

 


Mantenha-se atualizado em sua especialidade

Escolha quantas especialidades quiser.

Escolha a sua especialidade de preferência.